segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

VOCÊ DECIDE


Para ter comunhão com Deus, andar com Jesus, ser cheio do Espírito Santo, você é quem decide se quer, se vai ser ou não. Deus já fez a parte dele enviando Jesus Cristo, que fez a obra por nós e nos enviou o Espírito Santo.

Tudo isto e muito mais ele fez para que pudéssemos ser livres, termos vida, comunhão, prosperidade e Vida eterna. Mas ninguém é obrigado a aceitá-lo, ou crer, é só quem quer, pois Ele nos deu o livre arbítrio, ou seja, poder de escolha, é só para quem quer.

Só que não é tão simples assim, “eu quero e pronto”. Tem que estar decidido, posicionado, convicto do que quer.

Hoje, encontramos nas Igrejas muitas pessoas que não se decidiram. Frequentam às reuniões, mas também as baladas; dão glória a Deus, gritam aleluia, mas também falam palavrões; Se dizem estar vestidos como o crente deve se vestir, mas espiritualmente falando estão nus diante de Deus. Resumindo tudo isto, estão servindo a dois senhores e isto é impossível.

Elias, confrontando os profetas de Baal, lhes disse: “Escolham a quem vocês vão servir, se ao Senhor, servi ao Senhor, se a Baal, servi a Baal”. Era tudo ou nada.

Deus, através de Moisés, diz em Deuteronômio 30:15 desta forma: “Vê, hoje te proponho a vida e o bem. A morte e o mal”. Significa que você escolhe, você decide, você é quem sabe.

E o Senhor Jesus disse, em Mateus, que não dá para viver na Igreja e no salão da balada, viver na luz e nas trevas.

Na Igreja abraça e em sua casa empurra; na Igreja é adorador, em casa ou em outro lugar se cala; ser ministro da Palavra, ministro de música só na Igreja, mas fora do púlpito cessa o sacrifício; não dá para tomar a Santa Ceia e depois café com o diabo.

É impossível servir a dois senhores. Como é que vamos entrar no céu sem ter comunhão, conhecer e ser amigo do Dono dele?

Você decide onde é que você vai viver depois da morte.

Porque este mandamento, que hoje te ordeno, não te é encoberto, e tampouco está longe de ti.
Não está nos céus, para dizeres: Quem subirá por nós aos céus, que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos?


Nem tampouco está além do mar, para dizeres: Quem passará por nós além do mar, para que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos?


Porque esta palavra está mui perto de ti, na tua boca, e no teu coração, para a cumprires. Vês aqui, hoje te tenho proposto a vida e o bem, e a morte e o mal; Porquanto te ordeno hoje que ames ao SENHOR teu Deus, que andes nos seus caminhos, e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas, e te multipliques, e o SENHOR teu Deus te abençoe na terra a qual entras a possuir.


Porém se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido para te inclinares a outros deuses, e os servires, Então eu vos declaro hoje que, certamente, perecereis; não prolongareis os dias na terra a que vais, passando o Jordão, para que, entrando nela, a possuas; Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, Amando ao SENHOR teu Deus, dando ouvidos à sua voz, e achegando-te a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; para que fiques na terra que o SENHOR jurou a teus pais, a Abraão, a Isaque, e a Jacó, que lhes havia de dar. Deuteronômio 30:11-20

Transcrito por Litrazini (AD)

Graça e Paz