sábado, 4 de maio de 2013

O QUE SERÁ DE VOCÊ NO DIA DA IRA?


“De nada aproveitam as riquezas no dia da ira, mas a justiça livra da morte” (Provérbios 11.4)

Deus já determinou um dia no qual irá julgar a humanidade. A Bíblia fala sobre isso em várias passagens. Cada pessoa terá de prestar contas de si mesma a Deus. Como podemos nos preparar para tal dia? E como podemos escapar da morte?

 Afinal, o que está em jogo é o destino eterno, próximo ou longe de Deus.

As riquezas e bens não terão qualquer utilidade, como têm neste mundo. Diante de um juiz imparcial, o dinheiro de um acusado perde o valor. Se é culpado, será sentenciado. E ninguém que tenha conhecido os dez mandamentos ou o sermão do monte pode alegar inocência! E tampouco aqueles que não os conhecem, porque têm o testemunho da criação a respeito de Deus.

Além disso, podemos possuir outras coisas igualmente preciosas: talentos, habilidades, caráter nobre, comportamento amável. Todas essas coisas são boas, mas de nenhuma serventia no dia do julgamento.

No entanto, existe um meio de escape: a justiça que nos livra da morte eterna. Só que não é a nossa justiça própria. Diante dos olhos penetrantes de Deus, “todas as nossas justiças, (são)como trapo da imundícia” (Isaías 64:6). A justiça que nos livra da morte não está em nós, ela vem do próprio Deus. E está disponível a todos, tanto para os que se consideram justos, como para os injustos.

Como pode ser obtida?

Precisamos confessar nossos pecados a Deus em arrependimento, e nos rendermos ao Senhor Jesus, recebendo-O como nosso Senhor e Salvador. Ele foi a única Pessoa justa que pisou este mundo, e suportou o castigo que nós merecíamos e pagou nossa dívida diante de Deus.

Portanto, agora pode Deus conceder Sua própria justiça para os que creem no Senhor Jesus e na obra que Ele realizou na cruz.

Essa será a única riqueza que poderemos apresentar diante do justo Juiz!

Extraído do Devocional Boa Semente

Por Litrazini
http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz