quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Você pode confiar em Deus!

Confia, ó Israel, no Senhor; ele é teu auxílio e teu escudo. Casa de Arão, confia no Senhor; ele é teu auxílio e teu escudo. Vós, os que temeis ao Senhor, confiai no Senhor; ele é vosso auxílio e vosso escudo (Sl 115.9-11).

O ser humano, hoje, confia cada vez menos nas instituições, nos sistemas e no próprio homem. Isso tem acontecido porque muitos já passaram por experiências negativas ao depositar sua confiança em algo e não ser correspondidos. Talvez você também esteja vivendo um momento parecido, em que a desconfiança o dominou, e até mesmo em Deus você não consiga mais confiar. Mas quero afirmar e encorajá-lo como o salmista nos versículos acima: você pode confiar em Deus!

Confiar significa pendurar-se, depender totalmente, apoiar-se em alguém ou em alguma coisa. A palavra confiança tem como um de seus significados o sentimento de segurança na integridade, na força, na habilidade, na sinceridade e na competência de alguém. Essa definição me ajudou a visualizar que todas as vezes em que confio em alguém, na verdade, estou me apoiando em um dos agentes que compõem a confiança. São eles: poder, sabedoria e vontade. 

Deus, conhecendo o ser humano e sua fragilidade, aconselha-nos a não confiarmos nas riquezas, nos cargos e no homem. Mas por que não podemos confiar nas riquezas, nos cargos e no homem?

Lembre-se de que, quando falo em confiança, estou falando de depender totalmente ou de ter alguém como fonte de segurança.

Em Provérbios 11.28 está escrito que aquele que confia nas suas riquezas cairá. Muitas pessoas estão tristes e frustradas porque colocaram a sua confiança nas riquezas, as quais não têm sabedoria, poder e vontade. A riqueza só é riqueza porque o homem lhe agrega valor. Então não se apoie nela, pois ela não poderá corresponder a sua confiança.

No Salmo 146.3, lemos: Não confieis em príncipes. Os títulos, os cargos e as posições não corresponderão a nossa confiança, pois também não possuem sabedoria, poder e vontade, além de serem passageiros, temporários. Não pense que, ao alcançar um título, tudo se resolverá. 

A Palavra de Deus também nos exorta a não confiarmos no homem. Em Jeremias 17.5 consta o seguinte: maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor. Muitos entendem que a primeira parte do texto nos aconselha a não acreditar em ninguém, a não cultivar amizades, porque o homem não é confiável. Preciso então esclarecer que o verdadeiro sentido dessa passagem é que não podemos fazer do homem nossa fonte fundamental de segurança. Não podemos colocá-lo no lugar de Deus. 

O único que deve cumprir esse papel em nossa vida, em quem podemos nos agarrar e do qual devemos depender totalmente, é o Senhor. Por isso, afirmo: você pode confiar em Deus! A sabedoria dele é ilimitada, infinita e perfeita. Seu poder é supremo, irresistível, total e eterno, e Sua vontade é sempre boa, agradável e perfeita.

Jamais se esqueça de que, se você confia em Deus, a sabedoria, o poder e a vontade dele estão a seu favor. Confie nele, pois é seu auxílio e seu escudo!

Dra . Elizete Malafaia

Por Litrazini
http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz