segunda-feira, 25 de agosto de 2014

CRIANDO FILHOS E SERVOS DE DEUS

Marcada pela violência e pela ganância do querer mais, a sociedade parece se esquecer de resgatar valores tão importantes para a vida, como o cuidado com a família, especialmente com as crianças. 

É em meio a essa preocupação que surge nosso questionamento: Como preparar filhos para serem adultos saudáveis no corpo, na alma e no espírito? O que podemos fazer para garantir um desenvolvimento mais saudável e feliz às crianças?

Uma das respostas encontradas na Bíblia diz respeito à família de Jesus. O texto relata que crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens (Lucas 2.52). Esse crescimento só foi possível porque José e Maria, pais de Jesus, zelavam pela integridade física do menino no tocante à alimentação e aos cuidados de transmitir-lhe os valores morais, éticos e religiosos.

Cuide de seus filhos

NO FÍSICO:
Os cuidados com a saúde física envolvem a alimentação, a higiene, a prática de atividades físicas. Crianças bem alimentadas têm menos problemas de saúde e mais energia para buscar os seus sonhos. E quando praticam exercícios físicos aprendem a se relacionar, a ter disciplina e a cumprir regras.

Outro fator que merece atenção é a qualidade do sono. Crianças que dormem e acordam tarde produzem pouco na escola, sentem-se indispostas e têm alterações de humor.

NA MENTE: 
Henri Wallon, educador e médico francês, destaca o caráter social da criança. No início da vida, ela depende exclusivamente do adulto para a sua sobrevivência, pois o único meio de comunicação que o recém-nascido tem é a emoção, forma eficiente de se comunicar e que funciona em mão dupla.

Assim, é fundamental transmitir emoções positivas para as crianças, abençoá-las e envolvê-las com nosso afeto, pois elas serão fortalecidas mentalmente.

Pesquisas comprovam que quanto mais alimentamos a mente das crianças com coisas boas, mais elas são capazes de se superar.

NO ESPÍRITO
A família é o principal lugar onde se desenvolvem a intimidade e a capacidade de amar uns aos outros e a Deus. É onde se aprende valores espirituais que serão transmitidos às gerações subsequentes.

Os pais devem consagrar seus filhos a Deus, como fizeram os pais de Jesus que o levaram a Jerusalém, para apresentá-lo ao Senhor (Lucas 2.22). 

Crie em seu lar um ambiente espiritual no qual a presença de Jesus seja constante. Cante, ouça músicas de adoração ao nosso Deus, institua em sua casa a regra de não permitir palavras que não edificam, leve seus filhos à igreja e experimente o poder da oração com eles. Talvez os pequenos não compreendam na íntegra, mas certamente irão distinguir o momento devocional que estão presenciando com os seus pais. 

ENSINE A CRIANÇA NO CAMINHO (PROVÉRBIOS 22.6) E NÃO O CAMINHO! A maneira mais eficaz de ensinar é andar junto com os filhos, sendo exemplo, pois o testemunho fala mais alto do que qualquer ação. 

Que Deus conceda graça e sabedoria aos pais a fim de criarem seus filhos como verdadeiros servos do Senhor, pois, certamente, Ele cumprirá a Sua promessa: Quanto a mim, esta é a minha aliança com eles, diz o SENHOR: o meu Espírito, que está sobre ti, e as minhas palavras, que pus na tua boca, não se apartarão dela, nem da de teus filhos, nem da dos filhos de teus filhos, não se apartarão desde agora e para todo o sempre, diz o SENHOR (Isaías 59.21).

Dra Elizete Malafaia

Por Litrazini

Graça e Paz