quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

LESÃO NA ALMA, ONDE ENCONTRAR A CURA?

“Na sua mão está a alma de tudo quanto vive, e o espírito de toda a carne humana.” – Jó 12:10

No que se trata de sofrimento, não existe muita diferença, tantos para com os ricos quanto para com os pobres, para os feios ou bonitos, gordos ou magros, poderosos ou esquecidos, nobre ou plebeu, a dor existe para todo mortal, está é algo que acontece condicionada com o que se sente e em muitos casos, pelo o que se pode.

A pior dor é o sentimento amargo que brota de dentro para fora. Por muitas vezes, este, é tão denso que parece criar uma crosta dentro de nós. Ainda que, o motivo pelo o qual se sofra seja o mesmo para varias pessoas, a reação entre os sofredores nunca é igual, temos o hábito de dizer para alguém que está sofrendo “eu entendo sua dor” entende nada!

Apenas supomos ou imaginamos, porque cada ser humano tem o organismo diferente, seu metabolismo age e reage adequado ao seu sistema funcional, então a dor que sinto, outros não a sente, mesmo a causa sendo a mesma, falamos isso como uma forma de trazer tranquilidade para aquela pessoa, um paliativo.

A dor emocional surge quando em nossa volta ou em nós, presenciamos, ouvimos, fizemos ou alguém fez ou disse algo que não é proporcional à paz, tão logo nossa mente recebe a carga negativa, como toque de um sino, vibrantemente, nossa percepção distribuir para nosso sistema nervoso uma sensação de repelência ao fato, automaticamente o cérebro acata e expele por todo o nosso ser, como se fosse ondas sonoras, causando naquele instante um impacto o qual deixa lesão na alma, consequentemente por a alma está ferida e ser esta a junção entre o espirito e o corpo, sendo ela parte responsável pelo psicológico humano, raciocínio.

Então, proporciona um atrito existencial surgindo um desequilíbrio interno, isto enfraquece o espirito, abate a alma e adoece o corpo, e os frutos consequentemente é aflição, amargura, tristeza. Então a alma leva novamente para o cérebro de forma oprimida a insatisfação do ocorrido, como o cérebro comanda todo o corpo, automaticamente o primeiro a sentir é o coração que devido à pressão nervosa, dá inicio ao um processo destrutivo, causando o sofrimento, tudo isso porque houve; decepção, frustação, magoa, raiva.

A dor que sentimos só existe porque nós ou alguém contribuiu e toda essa manifestação dolorida pela qual atravessamos foi porque nosso espirito não aceitou a motivação do episódio, no entanto, o nosso cérebro registrou disseminado para todo nosso interior, fazendo com que a nossa alma ficasse lesionada e a alma ferida enfraquece o corpo e abate o semblante.

E como se livrar deste sentimento e não deixar que ele permaneça mais tempo do que já existente? Como não permitir que essa tristeza torne-se depressão? Ingerindo o antibiótico certo. Oração. E se a situação começou hoje? Oração também. Por quê? Oração é uma conversa que ativa a ligação do problema com a solução. Ou seja, quando começa-se a orar o espirito abatido vai reagindo ganhando forças, erguendo-se, indo buscar a cura na sua origem, em Deus.

E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente, Gênesis 2:7. O espirito faz o que não podemos fazer, se o problema instalou-se no âmago só a essência pode combater. Mas, para a oração funcionar realmente ela precisa ser direcionada a alguém que entendi do fato, que tenha estudado o assunto, alguém que já viveu a situação e saiu ileso, ou seja ir ao medico certo.Aquele que foi capaz de passar por todo o tipo de dor, no corpo, na alma e no espirito, Jesus.

Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. Isaías 53:5, Ele tudo suportou, para nos ajudar quando pedirmos, E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração. Jeremias 29:13, porque naquilo que ele mesmo, sendo tentado, padeceu, pode socorrer aos que são tentados. Hebreus 2:18, Ele sentiu dores no corpo. Ora, pois, já que Cristo padeceu por nós na carne,I Pedro 4:1, Superou a tristeza profunda, então lhes disse: A minha alma está cheia de tristeza até a morte; ficai aqui, e velai comigo. Mateus 26:38.

Chorou de tristeza, Jesus chorouJoão 11:35, Foi ferido. E, cuspindo nele, tiraram-lhe a cana, e batiam-lhe com ela na cabeça. Mateus 27:30, Provou a morte e reviveu. Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito. Vinde, vede o lugar onde o Senhor jazia. Mateus 28:6,

Me diga então, você conhece alguém melhor para te ajudar?
Quando você se direciona para Jesus contando o fato acontecido, Ele conhecedor do que é realmente a dor, entra logo com providência, dar o remédio certo em conformidade com a sua estrutura e com a densidade da lesão que a dor causou em você, subitamente ele derrama o balsamo da cura em teu espirito que vai enchendo-se até transborda na tua alma, que de forma suave enche o teu ser, satisfazendo teu cérebro, inundando o teu coração, então toda aquela ramificação dolorida que estava enraizada em você vai se desfazendo, fazendo todo o teu sistema vivencional ficar lavado, porque o balsamo fez a função da agua apagou a sua dor lhe trazendo de volta a vida.

Pra Elza Carvalho

Por Litrazini


Graça e Paz