terça-feira, 4 de agosto de 2015

A PREPARAÇÃO PARA O ARREBATAMENTO

Deus ainda está preparando a Igreja, a Noiva de Cristo, para a chegada do Noivo Jesus. Da mesma forma que uma noiva e seu noivo fazem os preparativos para seu casamento, e em seguida para viverem juntos, atá a morte os separar, a Igreja deve se preparar para a Vinda de Jesus, sua entrada no lar celestial e para as Bodas do Cordeiro.

A conversão a Cristo de um indivíduo é apenas o primeiro passo na caminhada rumo ao Céu. O apóstolo Paulo escreveu em Filipenses 1.6: “Tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo”. Mais adiante, em Filipenses 2.12, ele diz: “Operai a vossa salvação com temor e tremor”.

Existe um processo de santificação que Deus opera na vida do crente para prepará-lo para a vida nos Céus, e que depende da nossa cooperação. Efésios 5.25-27 nos lembra: “Vós, maridos, amai as vossas mulheres, como também Cristo amou a Igreja, e a si mesmo se entregou por ela, para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela Palavra, para a apresentar a si mesmo, Igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível”.

Jesus pagou um grande preço para nos qualificar à vida eterna com Ele. Depende de nós, a Noiva, cooperar. Devemos nos preparar para a Vinda do nosso Noivo. Efésios 5.5 diz que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idolatra, tem herança no Reino de Cristo e de Deus. Com a ajuda dEle, devemos largar tudo que possa manchar a nossa vida e impedir a nossa preparação para o Grande Dia.

Durante seu discurso profético em Mateus 24, Jesus contou a parábola dos dois servos para demonstrar como devemos estar preparados para sua Vinda. Ele ilustrou esse preparo dizendo que alguns crentes agem como o servo fiel e prudente, levando esse assunto a sério. Eles ficam alertos para a possibilidade de o Senhor da casa voltar a qualquer hora e se mantêm ocupados fazendo as tarefas designadas pelo seu Senhor. Por isso ganham a confiança Dele e receberão um grande galardão.

Mas há aqueles crentes que agem como o servo mau. Eles acham que o Senhor da casa vai demorar e começam a abusar dos seus colegas e privilégios. Então, quando o Senhor chega, sem qualquer aviso, o servo mau é separado dos outros e condenado a um destino de sofrimento.
Logo depois desta parábola, Jesus contou a parábola das dez virgens, que contém o mesmo aviso sobre a necessidade de estarmos preparados.

Tito 2.11-14 fala como devemos nos preparar para a vinda do nosso Noivo. Devemos renunciar à impiedade e às concupiscências mundanas, rejeitando as coisas que o mundo nos oferece, mas não nos aproximam de Jesus. Devemos também viver de forma sóbria, justa e piedosa.

Em outras palavras, devemos nos manter de alma limpa e pura, da mesma forma que a noiva se mantém pura para o noivo. Ao mesmo tempo, aguardamos ansiosamente o aparecimento do Noivo em toda a sua glória, o que será o maior espetáculo que este mundo já viu. Para nos ocupar até a sua chegada, Ele nos capacitou como um povo especial para fazer boas obras.

Jesus fez tanto por nós, e está ansioso para nos receber para si mesmo. Será que você, além de repetir a oração de Apocalipse 22.20 “Ora vem, Senhor Jesus”, tem também se preparado real e espiritualmente para o Grande Dia? Devemos viver cada dia com os olhos, o coração e a alma voltados aos Céus, ansiosos para ver o aparecimento do Senhor. Esse é o posicionamento do povo que Ele vem buscar.

Nesses últimos dias, Deus está fazendo uma limpeza na casa. 1Pedro 4.17 diz: “Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus; e, se primeiro começa por nós, qual será o fim daqueles que são desobedientes ao Evangelho de Deus?”

Em nossos dias, estamos vendo grandes líderes, igrejas e movimentos se levantando, e imediatamente caindo, por não terem fundamento firme. Vemos também determinadas coisas e doutrinas se espalhando que não são compatíveis com a Palavra de Deus.

Como Jesus purificou o templo de Jerusalém dos vendedores e cambistas, o Pai está provando, julgando e purificando a sua casa, para preparar um povo digno do seu Filho. Estamos cooperando com Ele?

Cada dia que passa sem Jesus voltar é mais uma oportunidade que temos para nos arrependermos do pecado, que nos faz tropeçar, e nos prepararmos para não perder a vinda do Noivo.

A limpeza da casa está sendo feita para reconciliar pecadores a Ele e trazer de volta aqueles que se desviaram do caminho correto. Aproveitemos a misericórdia de Deus para colocar a nossa vida em ordem com Ele, antes que seja tarde demais.

Pr. Terrence Johnson

Por Litrazini

Graça e Paz