quarta-feira, 19 de agosto de 2015

SATANÁS TEM ACESSO À NOSSA MENTE?

Embora superestimemos muito o poder de Satanás, ao acharmos que ele pode interagir diretamente conosco em um sentido físico, um erro semelhante e oposto seria supor que ele não tem acesso à nossa mente.

Primeiro, embora Satanás não possa ler nossa mente, ele pode influenciar nossos pensamentos.

Portanto, a Bíblia nos instrui a “nos revestirmos de toda a armadura de Deus, para que possamos estar firmes contra as astutas ciladas do diabo” (Efésios 6.11). Sem ela, você é uma vítima garantida na guerra invisível; com ela, você é invencível.

A batalha espiritual é travada contra seres invisíveis que personificam o mal. E suas armas são espirituais, não físicas. Embora eles não possam nos ferir fisicamente, nos violentar sexualmente ou nos fazer levitar, podem nos tentar a trair, roubar e mentir.

Além disso, é crucial observar que se abrirmos a porta para Satanás, ao falharmos em nos revestir da completa armadura de Deus, o Inimigo age como se estivesse sentado em nosso ombro sussurrando em nosso ouvido. Esse sussurro não pode ser percebido com o ouvido físico, porém pode penetrar no “ouvido” da mente. Não podemos explicar como tal comunicação acontece, tanto quanto de que forma nossa mente pode produzir sinapses físicas do cérebro. Mas que essa comunicação mente a mente acontece é incontestável.

Se não fosse, o Diabo não poderia ter tentado Judas a trair seu Mestre, não teria seduzido Ananias e Safira a enganar Pedro ou incitado Davi a fazer o censo.

Finalmente, embora os anjos caídos não sejam seres materiais, e portanto não possam interagir conosco diretamente no sentido físico, são tão reais quanto à carne sobre nossos ossos.

Sem dúvida, para alegria do Diabo, muitos o descrevem com frequência como uma caricatura cultural, com uma longa cauda, roupa vermelha e um garfo. Longe de ser tolo ou estúpido, porém, Satanás aparece como um anjo de iluminação cosmopolita. Ele sabe muito bem, que sem nossa armadura espiritual somos presas fáceis no jogo do Inimigo.

Em última análise, toda a Escritura nos informa que a batalha espiritual é a batalha pela mente. “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus, para destruição das fortalezas: destruindo os conselhos e toda altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo entendimento à obediência de Cristo” (2Coríntios 10.4-5).

“Porque não temos que lutar contra carne e sangue, mas sim contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau, e havendo feito tudo, ficar firmes” (Efésios 6.12-13).

SATANÁS TEM ACESSO À NOSSA MENTE POR MEIO DO QUE COLOCAMOS EM NOSSA MENTE.
“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes, as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus, pela oração e súplicas, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, NISSO PENSAI. O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes e vistes em mim, isso fazei, e o Deus de paz será convosco” (Filipenses 4.6-9).

HANK HANEGRAAFF

Por Litrazini

Graça e Paz