sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Fé sem caráter ou caráter sem fé? Quem é melhor?

Um é crente sem vida, e o outro vive sem crença. Todos, necessitam urgentemente da Graça de Deus

Esta parece ser uma equação difícil de ser resolvida. Quem é melhor?

Alguém que tem fé mas não tem caráter ou alguém que tem caráter mas não tem fé? Explico!

Fé sem caráter está relacionado com o fanatismo religioso, com a hipocrisia denominada “crente”, com o evangélico mentiroso, que chama de “diabo” tudo aquilo que ele mesmo promove em sua vida como fruto de uma vida falsa, baseada em palavras sem postura, sem comprometimento real. Ele conhece o Evangelho, frequenta uma igreja, mas seu padrão moral está muito aquém de ser luz e sal na terra. É “crente” sem vida.

Por outro lado, temos aqueles que não possuem fé, mas possuem caráter. são bons maridos, bons pais, filhos, esposa, enfim, pessoas que vivem a vida com ótimos princípios morais, respeitando e inclusive ajudando outros a sobreviverem. São os que chamamos de: “muito gente boa”. Mas e ai, não seria isso uma espécie de vida racionalista e que se sustenta na auto-justiça? Afinal, estes também acreditam que por serem quem são merecem o respeito e a aprovação divina. São “vivos” sem crença!

O fato é que não existe aprovação pra nenhum dos dois. Não basta ter fé sem caráter, nem caráter sem fé. Estas duas virtudes só funcionam em conjunto.

A fé não sobrevive sem o caráter para a perseverança de um propósito, assim como o caráter não sobrevive sem a fé, pois vivemos em um mundo extremamente desigual, desumano e injusto. A fé é o tijolo do edifício espiritual, enquanto que o caráter é a sua argamassa.

Quem é melhor? Nenhum! Um é crente sem vida, e o outro vive sem crença. Todos, necessitam urgentemente da Graça de Deus. Pois apenas a fé e o caráter podem sustentar estes cinco pontos primordiais:

É preciso ter FÉ e CARÁTER para aceitar que a salvação é o sacrifício integral de Jesus por cada um.

É preciso FÉ e CARÁTER para aceitar que tudo que as Escrituras falam sobre Deus e sobre o ser humano é verdadeiro.

É preciso ter FÉ e CARÁTER para perseverar das dificuldade e aflições da vida.

É preciso ter FÉ e CARÁTER para aceitar a vontade de Deus ao invés da sua e permanecer fiel ao propósito divino

E é necessário muita FÉ e CARÁTER para continuar vivendo em unidade e integridade dentro da Igreja Evangélica nos dias de hoje.

Bruno dos Santos


Por Litrazini


Graça e Paz