sábado, 28 de fevereiro de 2015

PROFECIAS DADAS POR JESUS SOBRE A SUA VOLTA

A profecia mais clara sobre o fim dos tempos é esta, porém poucos entendem o seu significado.

“Aprendam com a parábola da figueira: quando seus ramos se renovam e suas folhas começam a brotar, vocês sabem que o verão está próximo. Assim também, quando virem todas estas coisas, saibam que ele está próximo, às portas. (Mateus 24:32-33)

Nosso Rabi nos orientou a aprender com a parábola da figueira, pois ela nos mostraria quando o tempo do fim estaria próximo. Mas o que nos fala de tão importante assim esta parábola? vejamos:

“E passou a narrar esta parábola: Certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha; e indo procurar fruto nela, e não o achou. Disse então ao viticultor: Eis que há três anos venho procurar fruto nesta figueira, e não o acho; corta-a; para que ocupa ela ainda a terra inutilmente? Respondeu-lhe ele: Senhor, deixa-a este ano ainda, até que eu cave em derredor, e lhe deite estrume; e se no futuro der fruto, bem; mas, se não, cortá-la-ás.” (Lucas 13:6-9)

Note que o homem que procurava fruto na figueira, já o fazia há TRÊS ANOS, ou seja, o tempo que durou o ministério de Jesus, e a figueira é Israel, que é o local onde o ungido veio para resgatar seu povo pra Deus. Inicialmente ele não foi aceito pelo povo de Deus (Pela maioria, pois muitos judeus creram nele como vemos nos textos), por isso o próprio Deus, arrancaria fora a figueira, porém, no final, este o viticultor convence o homem a esperar que após a terra fosse devidamente adubada(a palavra pregada), e se desse fruto no futuro, bem, se não, a cortaria.

Perceba que Jesus fala que quando os ramos da figueira (Israel) se renovarem, e suas folhas novamente brotarem, saberemos que o fim estaria próximo, e que o filho do homem estaria ás portas.

Para entendermos vejamos esta profecia do próprio Messias:
“Quando virem Jerusalém rodeada de exércitos, vocês saberão que a sua devastação está próxima. Então os que estiverem na Judéia fujam para os montes, os que estiverem na cidade saiam, e os que estiverem no campo não entrem na cidade. Pois esses são os dias da vingança, em cumprimento de tudo o que foi escrito. Como serão terríveis aqueles dias para as grávidas e para as que estiverem amamentando! Haverá grande aflição na terra e ira contra este povo. Cairão pela espada e serão levados como prisioneiros para todas as nações. Jerusalém será pisada pelos gentios, até que os tempos deles se cumpram. (Lucas 21:20-24)

Note agora como estão mais claras as ligações com a figueira, a profecia acima citada se cumpriu no ano 70dc, quando o exército romano destruiu jerusalém e matou milhões de judeus por se rebelarem contra o império, após isso o povo judeu foi espalhado pra diversas partes do mundo, sendo massacrados na Alemanha por Hitler e em outros países.

Em 1948, foi declarado o Estado de Israel, e desde então os Judeus puderam voltar a sua terra, a um país naturalmente judaico. Assim sendo, tem aumentado o seguimento judaico chamado de “messiânico” e outros semelhantes seguimentos judaicos em Israel e no mundo, que acreditam que Yeshua é o verdadeiro messias de Israel, assim sendo a figueira está florescendo, e seus ramos dando frutos, e o próprio messias disse que viria quando isso acontecesse em outra profecia:

“Jerusalém, Jerusalém, você, que mata os profetas e apedreja os que lhe são enviados! Quantas vezes eu quis reunir os seus filhos, como a galinha reúne os seus pintinhos debaixo das suas asas, mas vocês não quiseram. Eis que a casa de vocês ficará deserta. Pois eu lhes digo que vocês não me verão desde agora, até que digam: ‘Bendito é o que vem em nome do Senhor’” (Baruk raba beshen Adonai). (Mateus 23:37-39)

A figueira floresceu!! Israel é o relógio da humanidade! e o filho do homem está às portas!!!

” Aprendam com a parábola da figueira!”

Raimundo Padilha
           
Por Litrazini
http://www.kairosministeriomissionario.com/


Graça e Paz