quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Aflição, Angústia, Problemas? Corra para o Pai!


Quando enfrentamos problemas, perigos, dificuldades, tristezas, naturalmente, buscamos socorro em alguém maior, mais forte e mais poderoso.

Como uma criança quer o colo do pai ou ter os braços da mãe a sua volta, assim vamos ao nosso Pai Celestial. Ele é a fortaleza que nos protege dos ataques, o Refúgio que nos abriga das perseguições, o porto que nos resguarda das tempestades da vida.

Você sente que esta sendo atacado?

Está enfrentando uma situação difícil, um problema muito grande?

Corra para Deus, Ele te protegerá, agradeça-o por isso.

Dentre as inúmeras promessas do Senhor, destaco algumas que poderão dar a noção do poder que temos à nossa disposição em Deus, o nosso Pai e Senhor

Em paz também me deitarei e dormirei, porque só tu, SENHOR, me fazes habitar em segurança. (Sl. 4.8)

Torre forte é o nome do SENHOR; a ela correrá o justo, e estará em alto refúgio. (Pv.18.10), Deus é nossa real segurança na Tribulação.

Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça. (Is. 41.10);

E eu já não estou mais no mundo, mas eles estão no mundo, e eu vou para ti. Pai santo; guarda em teu nome aqueles que me deste, para que sejam um, assim como nós. Estando eu com eles no mundo, guardava-os em teu nome. Tenho guardado aqueles que tu me deste, e nenhum deles se perdeu, senão o filho da perdição, para que a Escritura se cumprisse.   (Jo.17.11,12)             

Deus é “socorro bem presente nas tribulações”. Ele está ao alcance do seu povo e quer que busquemos seu socorro em qualquer momento de necessidade.

Ele é suficiente em qualquer situação e nunca nos deixa só. NÃO PRECISAMOS TEMER!! 

Mas fiel é o Senhor, que vos confirmará, e guardará do maligno. (2Ts. 3.3)

Sejam vossos costumes sem avareza, contentando-vos com o que tendes; porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei. E assim com confiança ousemos dizer: O Senhor é o meu ajudador, e não temerei O que me possa fazer o homem. (Hb.13.5,6)

Durante nossa vida experimentamos não apenas grandes chuvas, mas pequenos e constantes problemas e preocupações, que nos pressionam ainda mais em tempos difíceis, colocando sobre nossas costas um peso esmagador. Às vezes não nos causam dores intensas, mas esgotam nossas forças e nos desencorajam.

Em várias situações de nossa vida sempre sentimos o peso dos fardos. Algumas vezes nos esquecemos de que, mesmo carregando nossos fardos, estamos sendo carregados pelo nosso Pai Celeste, que é o Refúgio nas horas de tribulação.

Mas Jesus está sempre presente para proteger o coração dos Seus.

A vida vitoriosa, sem altos e baixos em demasia, sem desvios e escândalos, sem legalismo e permissividade, depende do refúgio secreto. É ali que bebemos da água viva e alimentamos do pão do céu, é ali que se reabastece numa seqüência perfeita depois de qualquer esforço, é ali que se aprende a não ter medo.

Que você viva hoje a segurança de estar nos braços de Deus! É só correr para o Pai Celestial, Ele anseia por nos socorrer

Graça e Paz

Lidiomar T. Granatti