quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

FECHADO PARA BALANÇO


“Ó Deus, examina-me e conhece o meu coração! Prova-me e conhece os meus pensamentos. Vê se há em mim algum pecado e guia-me pelo caminho eterno” Sl. 139.23-24. 

Vejo com frequência durante o ano algumas placas em estabelecimentos comerciais, tais como: “sob nova direção”, “Estamos em obras” ou “volto logo”, mas só no final de ano e início de um novo observo uma outra placa, “fechado para balanço”. 

Parece que durante o ano o que domina é a ação, a mudança, reformas, ampliações; uma saída rápida até é permitida, mas tem que voltar logo. 

Mas na passagem para um novo ano, depois de toda correria, tem que fechar para balanço. 

Um tempo de avaliação, de contagem, de acertos e de conclusões, positivas ou negativas, de lucros ou perdas. 

Parada necessária, para projetar o novo ano que está começando. Isto me parece muito sensato, sábio e prudente e posso aplicar também na minha vida. 

Depois de um ano de correria, ação, consertos, obras, reformas, conquistas, derrotas, acertos e erros, acho que é tempo de reflexão, tempo de quietude diante de Deus, tempo de sondagem de alma; depois de tanta agitação é bom parar um pouco para pensar, repensar e tomar decisões, e talvez novos rumos, que realmente venham fazer diferença no novo ano, neste momento cabe, seguir o conselho do profeta Jeremias. “Assente-se solitário e fique em silêncio...” (Lm.3.28) 

Pois algumas perguntas precisam ser respondidas neste tempo, entre elas: 

Como vai minha vida com Deus? 

Como vai minha comunhão com meus irmãos? 

Como está minha família? 

O que tenho feito com os talentos e dons que tenho recebido de Deus? 

Que Deus nos ajude a separar um tempo e “fechar” para fazer um balanço, amplo, total e irrestrito de nossa vida, com certeza haverá muita coisa para ser ajustada. 

“Pois qual de vós, querendo edificar uma torre, não se assenta primeiro a fazer as contas dos gastos, para ver se tem com que a acabar?” Lc.14.28

Espero que tenha um final de ano com muita reflexão para um novo ano de muita ação. 

Pr. Ronaldo Cabrera 

Por Litrazini 

Graça e Paz