sábado, 23 de agosto de 2014

OS SINAIS DA VINDA DO SENHOR

OS SINAIS - Respondendo aos discípulos, Jesus revelou que apareceriam sinais precursores de Sua vinda.

Os sinais profetizados por Jesus são os seguintes: falsos Cristos e falsos profetas enganarão a muitos; fomes, pestes, terremotos e guerras entre nações; muitos cristãos serão perseguidos e mortos; aumento da iniqüidade; diminuição do amor entre as pessoas e aumento do ódio (Mt 24.1-14).

Em todas as épocas existiram fome, peste, terremotos, guerras e falsos profetas. Existiram e continuarão a existir. Mas, então, como saber quais os sinais indicadores da vinda de Jesus e do fim dos tempos? 


Quando Jesus disse que "todas estas coisas são "o princípio das dores" (Mt 24.8), estava dando a entender que haveria um aumento gradativo da intensidade de tais ocorrências, tal como acontece nas dores de parto.

Muitas horas antes de dar à luz, a parturiente passa por um período de dores contínuas e cada vez mais fortes. O apóstolo Paulo disse que "toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora" (Rm 8.22). Entendemos, portanto, que as mazelas da humanidade se intensificam a cada dia, semelhantemente às dores de parto: 

1) A fome vem aumentando na medida em que os ricos ficam mais ricos e os pobres mais pobres.

2) Já tivemos dois grandes conflitos armados - a Primeira Guerra Mundial em 1914/1919; e a Segunda, em 1939/1945. Uma terceira guerra envolvendo as nações nunca foi descartada, embora se saiba que seria uma catástrofe em razão da atual capacidade de destruição pelo uso de armas químicas e atômicas.

3) A quantidade de terremotos aumenta a cada ano: foram registrados mais de 6.500 terremotos neste século.

4) As estatísticas revelam que os números da violência estão aumentando em todas as áreas e níveis sociais. O Brasil é o exemplo de uma situação caótica. A violência vem em forma de assassinatos, assaltos, chacinas, estupros.

5) A iniquidade se multiplica: imoralidade, pornografia, liberdade sexual; adultério, drogas, lesbianismo; homossexualismo; desprezo aos valores éticos, morais e cristãos; aumento do número de pessoas envolvidas com o espiritismo em todas as suas formas. Nenhuma dúvida há de que haverá um fim para tudo isso.

Pr. Airton Evangelista da Costa

Por Litrazini

Graça e Paz