quarta-feira, 29 de outubro de 2014

ESPERAR EM DEUS – NO TEMPO OPORTUNO

Porque a visão é ainda para o tempo determinado, mas se apressa para o fim, e não enganará; se tardar, espera-o, porque certamente virá, não tardará. (Hc 2:3)

Em muitas passagens do salmos 42 vemos muitas emoções em conflito. Emoções como tristeza, alegria, incredulidade e incerteza permeiam neste salmo. No começo deste salmo a confiança em Deus conflitua com a dúvida da incerteza do futuro. (Sl 42:3;6;8)

Aquele que espera em Deus deve entender o tempo de Deus em sua vida. E o tempo de Deus não pode ser medido, como o nosso tempo. Na linguagem grega este tempo se chama KAIROS, que para os cristãos é o tempo da plenitude de Deus.

Salomão disse no livro de eclesiastes que há um tempo para tudo e um tempo para todo propósito debaixo do céu (Ec 3:1).

Muitas pessoas não tem paciência em esperar esse tempo. Muitas pessaos não tem paciência em esperar em Deus, por isso se precipitam em suas ações. Diz a palavra de Deus que peca quem é precipitado (Pv 19:2).

É normal que haja conflito em nossas emoções quando estamos debilitados na nossa alma, e que a precipitação queira tomar conta de nossa vida. Muitas vezes o nosso EU diz: “Faça Hoje!”, mas o Senhor quer também nos dizer: “espere no tempo certo”.

Talvez muitas vidas tivessem outro destino.

Podemos citar o caso da precipitação de Abraão com Agar.(Gn cap 16 e 21).

O que seria do destino da nação israelita se tivessem esperado o tempo oportuno de Deus
e reconhecido Jesus como Messias?


Aliás escrevi isso num outro artigo que se chama: Precpitação

Quando a paciência perde lugar para a ansiedade o que podemos ver que é um resultado contrário ao propósito e as promessas de Deus em nossa vida. Uma atitude precipitada muitas vezes impede que as bençãos do Senhor venham em nossa vida.

Muitas pessoas por não querer esperar o tempo de Deus acabam tomando decisões precipitadas em várias áreas de sua vida.

Vemos isso em relacionamentos, em trabalhos e no serviço da própria igreja do Senhor.


Creio que hoje, se muitas pessoas tivessem uma outra chance e uma nova oportunidade de refletir, gostariam de voltar atrás em muitas de sua decisões. Acredito que muitos prefeririam “esperar em Deus no Seu tempo”.

O profeta Jeremias também passou por sofrimento e vivendo um conflito de emoções em sua vida dá uma dica para aqueles que querem esperar em Deus, mesmo em meio as aflições: Diz a palavra de Deus:

Minha alma continua os recorda e se abate dentro de mim. Mas quero trazer a memória, o que me pode dar esperança (Lm 3:21) Traga a sua memória o que pode lhe trazer esperança ! Pois uma pessoa cheia de esperança pode superar quase tudo !

Pense nas coisas do Alto (Cl 3:2) Enquanto olharmos para a situação, nunca alcançaremos a salvação que vem do Senhor. Trazer a memória é fazer voltar o coração ao tempo das boas lembranças. É recordar dos bons momentos, até porque a nossa vida não se resume em aflições, mas de momentos de felicidade e alegria. É olhar para frente e não para trás. É saber que o melhor de Deus ainda está por vir. É saber que o Senhor é bom e sua misericórdias não tem fim, elas se renovam a cada manhã.

Não olhando para a “terra arrasada e assolada”, mas olhando com os olhos da fé, como Abraão. Devemos olhar pela fé a nossa vida construída e alicersada em Deus. Devemos olhar para o alto, para o autor e consumador de nossa fé, JESUS, para que possamos enxergar

e esperar um futuro com confiança em Deus, pois só Ele é capaz de fazer infinitamente mais do que pedimos ou pensamos (Ef 3:20)


Eu, porém, olharei para o SENHOR; esperarei no Deus da minha salvação; o meu Deus me ouvirá. (Mq 7:7)


Por Litrazini:


Graça e Paz