segunda-feira, 11 de setembro de 2017

BÍBLIA SAGRADA, O ALIMENTO NECESSÁRIO

Foi o Senhor Jesus Cristo que afirmou que "o ser humano não vive só de pão". Esta palavra de Jesus foi pronunciada durante o episódio conhecido como "A tentação de Jesus". Jesus havia passado um longo período sem comer. Ele estava com fome. Foi nessa hora que o tentador, o Diabo, valendo-se desse detalhe, sugeriu que Jesus transformasse pedras em pão.

A hora da fome, dura de resistir, foi a escolhida pelo Diabo para tentar desviar Jesus de sua missão de vida. A fome seria uma boa desculpa para quebrar a vida de obediência a Deus. E Jesus respondeu ao tentador: "As Escrituras Sagradas afirmam que o ser humano não vive só de pão" (Lucas 4.4). Para manter uma pessoa no caminho da ética, do bem e de Deus, o pão, sozinho, não resolve. O pão é necessário para a sobrevivência, mas não é o único alimento necessário.

Quando Jesus fez essa afirmação, ele estava citando um texto do Antigo Testamento - Deuteronômio 8.3. No capítulo 8 do livro de Deuteronômio, é contada a história da entrada do povo de Israel na terra prometida. Eles haviam peregrinado 40 anos no deserto. Durante esse período, foram provados por Deus. Deus os fez passar fome e lhes deu alimento.

Deus fez o povo passar por estas dificuldades para que eles aprendessem que o ser humano não vive apenas de pão, mas de tudo o que Deus diz. A Palavra de Deus é alimento para a vida do ser humano. Esta lição era muito necessária para o povo de Israel. Eles precisavam aprender que a Palavra de Deus era alimento necessário para a vida deles.

Que lição para os nossos dias! Quanto tempo e energia são gastos correndo atrás de bons empregos e salários? Quantas pessoas acham que dinheiro e bens são o que contam para esta vida? Não é verdade! Todos nós precisamos para esta vida dos bens que só a Palavra de Deus pode dar.

Jesus Cristo sabe da nossa necessidade de comida. Ele sabe como a fome influencia nossa maneira de pensar. Mas ele venceu a tentação em nosso lugar. E, na hora mais difícil, nos ensinou que precisamos da Palavra de Deus para viver esta vida. Por isso, faz bem toda a pessoa que lê a Bíblia Sagrada diariamente e ali busca força para viver. A Bíblia Sagrada é alimento para esta vida.

Na Bíblia encontramos esperança. Esperança para esta vida e para a vida eterna. De fato, a Bíblia é alimento necessário para a vida eterna.

Uma das situações mais difíceis de entender é quando vemos, aparentemente, os maus levarem vantagem. Quando se fala em corrupção, parece que os corruptos são mais bem-sucedidos em suas estratégias do que aqueles que agem corretamente. Muitos pensam que, por isso, falar em vida eterna é bobagem. Temos de resolver tudo aqui e agora.

A Palavra de Deus, no entanto, nos dá um outro ensinamento. No Salmo 73 é tratada a questão da prosperidade dos maus. Neste mundo, aparentemente, os maus prosperam. Mas a justiça de Deus, no final, se manifestará. Quem espera esta justiça, no final, verá que Deus, mesmo sendo paciente com os maus, não deixará de ser justo com seus filhos.

Esta justiça de Deus nós vemos com mais clareza ainda na pessoa de Jesus Cristo. Ele sofreu injustamente. Padeceu, foi crucificado, morreu e foi sepultado. Parecia que o mal tinha vencido. Mas não foi assim. Ele ressuscitou. A vitória foi alcançada. Ele provou que nossa esperança não é vã.

A Bíblia Sagrada é alimento para a vida eterna. Ela traz esperança. E como precisamos deste alimento! Como nosso país e todo o mundo precisam deste alimento!

Não podemos agradecer o suficiente a Deus por termos este alimento. O ser humano não vive só de pão. Ele precisa da Palavra de Deus. Que nunca nos falte este alimento. E que ele nos dê a nutrição para alcançarmos a vida eterna.

Transcrito por Litrazini

Graça e Paz