quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

11° dia de um jejum de 21 dias - Texto de John Bevere e Lisa Bevere

O jejum muda o nosso apetite.



Enquanto adoravam ao Senhor e jejuavam, disse o Espírito Santo: "Separem-me Barnabé e Saulo para a obra a que os tenho chamado".

Atos 13:2, NVI


Se você desenvolveu um apetite por algo, você pode desejar ele enquanto você está comendo. Por exemplo, eu sou um fã de chocolate amargo. Somente o chocolate amargo têm apelos para mim. Se você for me oferecer um chocolate ao leite, eu nem vou querer. Em um determinado período de tempo, a cada mês eu sinto-me com uma vontade súbita e forte por este puro chocolate amargo. Eu desejo ele, e quando eu tiver ele, eu estou bem por mais um mês.


Uma vez me foi dada uma grande fonte de chocolate amargo, eu poderia ter um pedaço a cada dia se eu quisesse. Não demorou muito antes que eu já me visse necessitando da minha parte diária. Logo, minha fonte estava exausta. Por alguns dias, encontrei-me voltando para a despensa, esperando encontrar apenas mais um pedaço em algum lugar. Se eu encontrasse um pedaço, então as ânsias terminariam. Eu tinha me acostumado ao chocolate diário. Quando eu era forçado pela falta de disponibilidade a permanecer em jejum dele, então eu já não ansiava por ele.



Um jejum é uma pausa na nossa rotina diária. Ela supera ânsias e restaura ou renova um apetite novo e fresco. Sempre que eu saio do jejum, eu estou com fome de comida saudável. Estou com fome de algo novo e fresco na minha vida pessoal também. Eu quero deixar para trás o velho e abraçar o novo.


Junte-se a nós jejuando com Awake21.





(O acima é um trecho de "You Are Not What You Weigh", publicado pela Sociedade Siloé Strang, 2007).


POSTADO POR MENSAGEIRO INTERNACIONAL - Blog John e Lisa Bevere




A Graça e a Paz de nosso Senhor Jesus Cristo.

Moacir Neto