sexta-feira, 20 de novembro de 2020

O AMOR É FRUTO DO ESPÍRITO

 O IMPOSSÍVEL TORNOU-SE POSSÍVEL - Cristo é a encarnação do amor. Ele trouxe o verdadeiro amor ao mundo. Aqui está um homem que habitou entre os homens sem a herança adâmica pecaminosa, mas o próprio Deus feito homem, e Deus é amor. O amor de Deus habitava em Sua plenitude, em um homem: Jesus. Ele havendo demonstrado o que é o amor com sua vida e obra, finalmente se fez um com o nosso pecado (II Co 5:21). E, quando morreu na cruz o fez matando nosso velho homem.

PODEMOS AMAR COMO JESUS AMOU

Quando Cristo manda que amemos como Ele amou, está pedindo algo impossível de conseguir por nós mesmos, mas Paulo nos diz que o que era impossível por causa da nossa debilidade Deus fez possível o cumprimento pelo Espírito. A lei do Espírito de vida em Cristo me livrou da lei pelo pecado do egoísmo. Agora tenho em mim uma nova força, a vida de Cristo.

Tenho a capacidade de amar como Jesus amou, porque estou livre da lei do pecado, porque morri para ela, agora não vivo eu, mas Cristo vive em mim (Gl 2:20). SEUS MANDAMENTOS NÃO SÃO PENOSOS

Satanás, primeiro quer fazer crer que é impossível amar como Jesus, de qualquer maneira, e uma vez que somos libertos dessa mentira pela verdade de Deus, faz-nos crer que se bem que possível, é muito difícil amar como Jesus amou. A palavra nos declara: “Seus mandamentos não são penosos”. (IJo 5:3).

O AMOR DE DEUS foi derramado em nossos corações pelo Espírito que nos foi dado (Rm 5:5 / II Tm 1:7 / Filip 4:13). Ele nos capacitou com o amor de Deus, não com o nosso para amar como Jesus.

ESTE AMOR FLUI DE UM CORAÇÃO SINCERO E PURIFICADO

Como amor é fruto do Espírito Santo se o meu coração não está limpo, o espírito não flui e portanto o amor não flui também. Em  (ITm 1:5) Paulo fala do “amor fraternal não fingido”. Quando nosso coração não está bem com Deus é muito comum praticar o amor fingido, exteriorizações sem vida nem realidade. “As Relações Públicas” tem muito disso. Confessemos todo pecado, rejeitemos as obras da carne, vivamos no Espírito para que o Seu amor flua em nós livremente.

O AMOR DEVE ENVOLVER E ABUNDAR CADA VEZ MAIS EM NÓS

(Filip 1:9 / ITs 3:12 ; 4:9-10). Tudo o que tem vida cresce e se desenvolve. O amor a vida de Cristo em nós tem que crescer. Pela renovação de nosso entendimento, iremos sendo transformados até o fim; nosso caráter, nossa conduta, nosso estilo de vida, nossas aspirações, a administração de nossos bens e talentos; tudo irá se modificando para chegar a ser autêntica demonstração do AMOR DE DEUS derramado em nossos corações.

Que toda a nossa vida possa resumir-se dizendo que temos disposto toda ela em favor de nossos irmãos. Como Cristo.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz


Nenhum comentário:

Postar um comentário