sexta-feira, 9 de abril de 2021

DONS E MINISTÉRIOS

 A fonte de todos os dons é o Espírito Santo. Toda dádiva excelente, todo o dom perfeito provém de Deus, do Pai das luzes em quem não há mudanças, nem sombras de variação.

Os dons espirituais são diversos, mas o Espírito Santo é o mesmo. Diversos dons, uma só e a mesma fonte, visando a um fim proveitoso: a edificação espiritual da Igreja, o crescimento dos santos em amor, a paz, a maior compreensão.

Todo o cristão tem um ou mais dons e nenhum cristão tem todos os dons. Não existe cristão sem dom.

É preciso descobrir o seu dom e, para a glória de Deus, e usá-lo para um fim proveitoso, para a edificação da Igreja. Aptidões naturais, ou mesmo dons espirituais, podem ser exercitados conscientemente ou até inconscientemente.

Há diversidade de ministérios ou serviços, mas o Senhor é o mesmo. Todos têm dons do Espírito. Todos devem exercer ministérios na Igreja, ou seja, no Corpo de Cristo, servindo ao Senhor.

Os dons são aptidões em potencial. Os ministérios são essas aptidões postas em prática.

Há diversidade nas realizações, mas o mesmo Deus é quem opera tudo em todos.

Os dons vêm do mesmo Espírito Santo. Os ministérios servem o mesmo Senhor Jesus.

As realizações são do mesmo Deus que opera tudo em todos — e todas estas coisas concorrem para a edificação da Igreja (1 Co 12.4-7).

Os dons são aptidões naturais ou especiais dadas pelo Espírito para equipar os santos, concedendo-lhes os diversos ministérios exercidos para toda a boa obra que são as realizações em Deus. 

Todos nós recebemos dons, talentos e aptidões. É preciso exercê-los no ministério total da Igreja em sua integridade; apresentá-los em forma de realizações.

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário