terça-feira, 23 de março de 2021

O FRUTO DO ESPÍRITO

O fruto do Espírito são qualidades do caráter de Deus que o Espírito Santo nos transmite quando confiamos em Jesus e obedecemos suas ordens.

O fruto é o que resulta da vida de plena comunhão com Cristo. Quem permanece em mim e Eu nele, este dá muito fruto.

Se eu não souber que o fruto do Espírito são as qualidades do caráter de Deus que ele deseja que eu possua, posso perder o crescimento espiritual e a transformação pessoal que Deus quer para mim.

Devo conhecer o fruto e cooperar com Deus no processo de aquisição do fruto, mas descansar e confiar nele para o aparecimento do seu fruto na minha vida. 

Fato interessante é que a Bíblia fala do fruto do Espírito, e não de frutos.

A Bíblia ensina que nós precisamos que o Espírito Santo traga fruto em nossa vida, porque não podemos nos tornar parecidos com Jesus sem o Espírito.

Nós estamos cheios de desejos egocêntricos e egoístas, opostos à vontade de Deus para nossa vida. Duas coisas precisam acontecer: uma, que o pecado tem de ser expulso da nossa vida; outra, que o Espírito Santo precisa entrar e nos encher, e produzir o fruto do Espírito.

“O fruto do Espírito é amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio” (Gl 5.22, 23).

O fruto do Espírito não pode ser criado artificialmente. Ele é o resultado de uma obra que Deus realiza dentro da vida do cristão, pela operação maravilhosa do seu Santo Espírito.

Mas o fruto do Espírito é:

Amor, alegria, paz, longaminidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei. Gálatas 5: 22, 23.

Amor: É doar-se! é o amor incondicional de Deus.

Alegria: Mais profunda que a Felicidade, é um dos melhores medicamentos que existe contra dor!

Paz: É passar para outras uma presença branda, é estar bem com você mesmo!

Longaminidade: Paciência e constância, é no meio de uma provação, suportar sem queixas!

Benignidade: É ser gentil, manso, tranquilo, cheio de boas obras!

Bondade: É não ser mesquinho, não murmurar, é ser compreensivo doador e confiável!

Fé: É não olhar para circunstância que estamos vivendo, é Confiar em Deus!

Mansidão: É ser humilde, é tolerar, força sob o controle Divino.

Domínio Próprio: É ter auto controle, é ter temperança nos momentos mais difíceis que a alma grita!

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário