sábado, 12 de junho de 2021

VIVA COM ALEGRIA

Diante daquilo que Deus nos tem feito, somos gratos e a manifestação mais própria para o sentimento de gratidão é a alegria. Quem é grato é alegre.

O louvor, que é uma expressão de alegre, é filho da gratidão. Diante da clara manifestação de Deus em nossas vidas, nós tendemos a nos encher de alegria do Espírito.

Pode ser, no entanto, que nós enchamos de nós mesmos, considerando-nos os responsáveis pela abundância em que vivemos ou pela da ausência de problemas.

A Bíblia condena este desvio com contundência. Por não haveres servido ao Senhor teu Deus com gosto e alegria de coração, por causa da abundância de tudo, servirás aos teus inimigos, que o Senhor enviará contra ti, em fome e sede, e em nudez, e em falta de tudo; e ele porá sobre o teu pescoço um jugo de ferro, até que te haja destruído. (Dt 28.47-48)

Há situações em que não é natural arrancar de nós mesmos um riso ou mesmo um sorriso. Nossa alma se abate e se perturba (Sl 43.5).

Como cantar, quando nos parecemos com os judeus exilados, que perguntavam: Junto aos rios de Babilônia, ali nos assentamos e nos pusemos a chorar, recordando-nos de Sião. Nos salgueiros que há no meio dela penduramos as nossas harpas, pois ali aqueles que nos levaram cativos nos pediam canções; e os que nos atormentavam, que os alegrássemos, dizendo: "Cantai-nos um dos cânticos de Sião". Mas como entoaremos o cântico do Senhor em terra estrangeira? (Sl 137.1-4)

O mesmo salmista que pergunta: Por que estás abatida, oh minha alma? e por que te perturbas dentro de mim? é o mesmo que responde: Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele que é o meu socorro, e o meu Deus. (Sl 43.5).

Se esta é a sua situação, permita que o Espírito Santo dê o Seu fruto na sua vida. Louve-O assim mesmo, porque Ele é seu socorro e o seu Deus. A esperança faz que a alegria não dependa das circunstâncias

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário