domingo, 17 de outubro de 2021

ADORAR A DEUS EM ESPÍRITO E VERDADE

Jesus disse que o tempo e a forma nova de adoração não se referiam a locais físicos, mas a uma atitude específica: em ESPÍRITO e em VERDADE, por causa da natureza de Deus.

"Adorar em espírito é adorar em todo lugar"

Deus é Espírito; assim, Ele não pode estar preso ou vinculado fisicamente a lugar algum.

Deus está em todo lugar, e se Ele está em todo lugar, então ele pode ser adorado em todo lugar. Minha vida deve ser então um culto diário.

Deus é "discreto e educado", além de tudo. Se ele manifestasse toda a sua glória em todos os locais, não seríamos capazes sequer de andar; só nos restaria ficar de joelhos, "cara no pó", reconhecendo a grandeza e a majestade do Pai e orando para que ele não se esqueça de Sua Graça.

"Adorar em verdade é fazer tudo o que Jesus faria se estivesse em nosso lugar"

O maior problema da falta de adoração na igreja não é a falta de instrumentistas, cantores ou compositores bons; é a falta de fé no Espírito Santo.

Para criar um ambiente propício de adoração tudo o que é necessário é agir de acordo com a Palavra, em vez de agir segundo a justiça humana, porque a Palavra de Deus, que é Espírito, é o que nos orienta pelo Espírito.

Adorar é fazer a vontade do Pai.

O Pai procura adoradores que o adorem quando são fechados no trânsito, quando são injustiçados no trabalho, quando sofrem na justiça, quando sofrem a perda de um ente querido. Isso é fazer a vontade do Pai, em verdade, porque a Palavra é a verdade e a vontade de Deus - Hb 13:15-16.

Os adoradores somos nós, mas a adoração é como vivemos!

Ronaldo Bezerra

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

sábado, 16 de outubro de 2021

RESTAURANDO O INTERIOR

Jesus, enquanto esteve aqui na terra, censurou os líderes religiosos da época, pois se preocupavam apenas com a fachada, não se interessavam em edificar ou restaurar a parte interior.

Por isso, o Senhor os chamou de hipócritas e os comparou a sepulcros caiados, que por fora se mostram belos, mas interiormente estão cheios de ossos, de mortos e de toda imundície.

Em Mt. 26.21 e 22, quando Jesus disse que um dos Apóstolos o trairia, cada um ficou a perguntar: “Porventura, sou eu Senhor?” Eles não se preocuparam em passar para terceiros a necessidade de conserto em suas vidas.

Adão, após o pecado, ao ser chamado por Deus para por em ordem o seu mundo interior, perdeu a oportunidade de reparar o pecado de sua vida ao transferir a culpa do pecado para a esposa Eva.

Tão importante quanto fechar as brechas, fortalecer as áreas enfraquecidas, utilizar as armas disponíveis, é manter a nossa casa em ordem.

Nosso pior inimigo, somos nós mesmos. É a vontade da carne e, a nossa natureza voltada para os prazeres do mundo

Devemos manter a nossa casa em ordem, mesmo durante a calmaria, pois nestes momentos, costumamos relaxar a guarda e, sem a menor resistência cedemos ao inimigo.

Na verdade, quando estamos enfrentando lutas, colocamos em ordem nossa casa. Aí então buscamos em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça, na certeza de que, se Ele não for à nossa frente, certamente seremos derrotados.

Ao obtermos a vitória, começamos a saboreá-la, em vez de nos mantermos com os olhos fixos em Jesus, distraindo-nos. Talvez seja esse o motivo do Senhor permitir certas situações em nossas vidas.

A nossa luta não finda. Nela não há acordo, nem trégua, nem férias. O que há é uma constante renovação de estratégias do inimigo, que, mesmo sendo derrotado, visa nos vencer da próxima vez.

Por isso devemos manter nossa casa em ordem, para que ele não encontre falhas e nos pegue desprevenidos. “Passadas que foram as tentações de toda sorte, apartou-se dele o diabo, até o momento oportuno.” (Lc. 4.13)

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

 

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

ELE SEMPRE EXISTIU

Jesus não disse que veio para trazer uma verdade. Ele disse: "Eu sou a verdade..." (Jo 14:6).

Jesus não veio trazer simplesmente uma religião, nem uma filosofia, ou um monte de regras como código de conduta. Jesus veio trazer Ele mesmo.

Ele é a ressurreição e a vida.

"E a vida eterna e esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste." (Jo 17.3)

Peça ao Espírito Santo que lhe ajude a conhecer Jesus, foi para isto mesmo que o Espírito veio.

“Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir. Ele me glorificará, ...” (Jo. 16 13:15)

Jesus existia antes de todas as coisas - Jo 1:1-3 - No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez

Todos nós começamos a nossa vida quando somos gerados no ventre de nossas mães, antes não existíamos. Mas não foi assim com Jesus.

Ele existia muito antes de nascer em Belém. Não como homem, mas como o Verbo de Deus

O verbo nunca foi criado, Ele era Deus e sempre existiu. Foi ele quem criou todas as coisas.

“... Porque nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, ...tudo foi criado por ele e para ele. Ele é antes de todas as coisas, e nele subsistem todas as coisas. Grandioso é Jesus (Cl. 1.15-17)

A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas; (Hb 1:1-3)

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

quinta-feira, 14 de outubro de 2021

COMO CHEGAR AO CÉU

Jesus Cristo é o único que tem autoridade para afirmar se o Céu existe ou não. Ele afirmou que Ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do Homem, que está no céu” (João 3.13).

“Eu desci do céu não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou” (João 6.38).

Ainda no mesmo capítulo Jesus afirmou: “Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer desse pão, viverá para sempre” (João 6.51).

Sabemos que o Céu existe porque Jesus o disse. Jesus é Deus, logo devemos crer no que Ele ensinou acerca do Céu.

Para o Senhor Jesus o Céu é um lugar real. Portanto o Céu, de acordo com o ensino de Jesus, é o lar eterno e definitivo daqueles que o amam e o servem.

Certa vez uma senhora que não acreditava na existência do Céu e nem do inferno perguntou a um pastor:

-Qual o caminho para o inferno? O pastor respondeu:

– Eu não sei. Mas lhe garanto que, se a senhora continuar seguindo o seu próprio caminho facilmente chegará lá.

“Qual o caminho para o Céu?”.

Em Mateus 7.13,14 Jesus ensinou a respeito desses dois caminhos. Ele disse: Entrem pela porta estreita porque a porta larga e o caminho fácil levam para o inferno, e há muitas pessoas que andam por esse caminho. A porta estreita e o caminho difícil levam para a vida [Céu], e poucas pessoas encontram esse caminho”

A porta estreita e o caminho difícil representam o próprio Jesus. Ele declarou: “Eu sou a porta. Quem entrar por mim será salvo” (João 10.9 TNLH).

Noutra ocasião disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém pode chegar até o Pai a não ser por mim” (João 14.6 TNLH).

Esdras Bentho

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

quarta-feira, 13 de outubro de 2021

CÉU É UM LUGAR DE ETERNA ALEGRIA

O CÉU FOI CRIADO POR DEUS. A Bíblia tanto afirma que o Céu foi criado por Deus como também que o Céu é habitação do Senhor e dos anjos (Salmos 121.2; 124.8; 139.8).

Ao ensinar os discípulos como orar, o Senhor Jesus afirmou que Deus está no Céu: “Pai nosso, que estás nos céus” (Mt 6.9; 22.30; João 14.1-3).

Precisamos esclarecer que a Bíblia descreve três céus: o que está acima de nós, ou a atmosfera da terra (Mt 6.26), o espaço onde estão os astros (Mt 24.29) e o “paraíso” ou “terceiro céu” (2 Co 12.2,4), que é a morada de Deus e dos anjos.

O CÉU É UM LUGAR DE BEM AVENTURANÇA (João 14.2,3). O primeiro registro dessa verdade está em Gênesis 5.24. A Bíblia afirma que Enoque, um homem santo do Antigo Testamento, foi levado por Deus para o Céu.

Em 2 Reis 2.11 também está escrito que Elias, um profeta de Deus, “subiu ao céu” milagrosamente. Um fato muito conhecido é o do ladrão que foi crucificado ao lado de Jesus. O Senhor disse-lhe: “Hoje estarás comigo no Paraíso” (Lc 23.43).

O Céu é também uma demonstração do amor de Deus por você. Deus o ama, por isso criou o Céu para que você viva eternamente com Ele.

O CÉU É UM LUGAR DE ALEGRIA E ADORAÇÃO A DEUS. De acordo com a Bíblia, no Céu não haverá qualquer tipo de tristeza, doença e morte. Em Ap 21.4 lemos que “Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e não haverá mais morte, pranto, nem clamor, nem dor”. Portanto, o Céu é um lugar de eterna alegria e adoração a Deus (Ap 4.8-11).

Hoje nossos corpos são afetados por muitas doenças e fraquezas, e com isto ficamos tristes e desanimados. Todavia no Céu receberemos um corpo especial, incorruptível. Nunca ficaremos doentes, fracos ou tristes porque seremos semelhantes aos anjos do Céu (Lc 20.35,36).

NO CÉU RECEBEREMOS UM CORPO PERFEITO E IMORTAL. A Bíblia declara que no Céu receberemos da parte de Jesus um novo corpo. Deus transformará o nosso corpo mortal em corpo imortal, incorruptível e glorioso (Filip 3.21; 1 Co 15.51-53). Nossos corpos jamais se definharão e, assim, estaremos para sempre com o Senhor (Lc 20.35,36).

O CÉU É UMA SANTA E PERFEITA HABITAÇÃOO Céu é um lugar que Deus preparou para aqueles que se tornaram santos quando aceitam a Jesus como seu único Salvador.

O pecador, entretanto, não entrará no Céu, pois a Bíblia diz que não entrará “coisa alguma que contamine e cometa abominação e mentira, mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro” (Ap 21.27). Para morar no Céu é necessário que você se arrependa de seus pecados e aceite a Jesus como Salvador pessoal.

O CÉU É UM LUGAR ONDE OS CRENTES SERVIRÃO ETERNAMENTE A JESUSNão estaremos ociosos no Céu, muito pelo contrário. Conforme a Bíblia, serviremos a Deus e a Jesus, assim como os anjos servem (Ap 22.3).

Esdras Bentho

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

  

terça-feira, 12 de outubro de 2021

VENCENDO AS ACUSAÇÕES DE SATANÁS

A Bíblia diz que Satanás é “o acusador dos irmãos” (Ap 12:10), e o nosso Senhor o enfrenta como tal em seu ministério de Sumo Sacerdote, pelo seu próprio Sangue (Hb 9:12). Como é então que o sangue opera contra satanás?

COLOCANDO DEUS AO LADO DO HOMEM.

Com a queda, foi introduzido no homem algo que impedia Deus de, moralmente, defender o homem.

Eram nossos pecados diante de Deus que não permitiam que Deus pudesse estar ao nosso lado contra satanás.

Mas o Sangue removeu essa barreira; nós agora estamos certos com Deus, e com Ele ao nosso lado podemos encarar satanás sem tremor.

“O SANGUE DE JESUS SEU FILHO, NOS PURIFICA DE TODO PECADO” (I João 1:7).

Não é “todo pecado” no seu sentido geral, é cada pecado, um por um.

Deus está na luz, e a medida que andamos na luz, tudo fica exposto e patente a ela de modo que Deus pode ver tudo; e nessas condições o Sangue nos purifica de todo pecado.

Com os pecados perdoados não há acusação de satanás que prevaleça.

É este o fundamento que nos firmamos: Nunca devemos procurar estar limpos diante de Deus, de nossa consciência e vencer as acusações de satanás tendo por base a nossa boa conduta e sim, confiando no Sangue.

Que possamos ver mais do valor do precioso Sangue de Cristo, aos olhos de Deus, pois assim venceremos até o final.

E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até a morte.  Ap 12:11

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

segunda-feira, 11 de outubro de 2021

PODER DE UM LOUVOR SINCERO

A música nasceu no reino dos céus, o homem recebeu a música como uma dádiva de Deus, uma vez que somente os anjos podiam tocar louvores à Deus (claramente no livro de Ezequiel)

O homem desobedeceu à Deus e começou a usar a música de maneira errada, começou a exaltar a mulher que amava, começou a exaltar a carne.

Não caia na conversa fiada de que existe um estilo musical profano, pois no inferno nem música não tem.

Deus é o pai de tudo, ele criou tudo, inclusive a música em todos seus ritmos e estilos, a única coisa de que o diabo inventou foi a mentira!

Ele faz uso da música para levar muitas pessoas para a perdição, pondo grupos até no nosso meio se dizendo ser cristãos, mas seu único objetivo é nos tirar dos caminhos de Deus.

Não se iluda com uma banda só por que tocam bem e se dizem crentes, procure saber a origem e seu comportamento fora dos palcos.

Tome cuidado com a música que você escolhe, ela tem muito poder sobre a vida da pessoa.

A Bíblia sempre deixou bem claro do poder que um louvor sincero pode ter em nossa vida.

Um dos maiores exemplos disso foi da vitória de Jeosafá sobre os filhos de Amom e de Moabe nas montanhas de Seir.

Quando ele pediu para que os cantores fossem louvando diante do exército e quando chagaram diante os seus inimigos viram o poder de Deus através do louvor.

Depois de consultar o povo, Josafá ordenou que alguns cantores vestissem roupas sagradas e marchassem à frente do exército, louvando a Deus e cantando assim: "Louvem ao Deus Eterno porque o seu amor dura para sempre."

Logo que começaram a cantar, o Deus Eterno causou confusão entre os moabitas, os amonitas e os edomitas, e eles foram derrotados. (2Cr 20:21 e 22)

Muitos foram os ministros que se destacaram na história pela sua dedicação e submissão a Cristo, um exemplo foi Daví.

Além de ser um exemplo de consagração, ele foi um grande músico, cantor e inclusive inventou vários instrumentos musicais.

Miriã, que foi um marco...onde as mulheres também tiveram o seu lugar rendendo louvor e adoração ao Deus altíssimo.

Em toda a bíblia podemos ver e presenciar exemplos vivos de adoradores consagrados à Deus e que até hoje nos dão um verdadeiro exemplo para rendermos louvores a Deus.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

domingo, 10 de outubro de 2021

CIDADÃOS DO CÉU

Mas a nossa cidadania está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo. (Filip.3:20)

Esta nação santa deve ser vista como um povo alcançou tal progresso na vida cristã, a ponto de ser reconhecida eminentemente como nação celestial mesmo sem falar uma única palavra, simplesmente pelo seu proceder.

"Raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus...". (1Pe.2.9)

Não somos andarilhos, nem nômades; temos um lar, temos um destino, já somos cidadãos do céu. Não somos um povo sem nacionalidade, muito menos, somos cidadãos deste mundo.

Ao contrário, Deus nos considera, pois de fato somos nação santa, raça eleita, povo de propriedade exclusiva de Deus.

Não é que seremos esta nação, nós já somos esta nação!

Portanto, devemos viver dignamente como cidadãos do céu, homens com um objetivo só, o reino de Deus!

Que toda nossa vida aqui seja um retrato falado desta magnífica e comprometedora descrição bíblica: "somos nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus..."

Que possamos viver íntimos do Senhor, andando em seus caminhos diariamente, em profunda comunhão com Ele, a ponto de sermos facilmente identificados como uma nação santa e, como o povo que pertence exclusivamente a Deus.

Justamente por termos nossa nacionalidade celestial assegurada pela Bíblia é que devemos viver aqui e agora evidenciando os costumes celestiais, falando o idioma e alimentando-nos das coisas celestiais, tendo hábitos, afetos, amando as coisas celestiais e, principalmente, desejosos e esperançosos de morarmos definitivamente em nossa cidade celestial, como o nosso Pai celestial.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

sábado, 9 de outubro de 2021

SER BEM SUCEDIDO PELA LEITURA DA PALAVRA

NOS FORTALECE.

“Jovens, eu vos escrevi porque sois fortes e a Palavra de Deus permanece em vós”. I Jo 2:14.

“Fortalece segundo a Tua Palavra”. Sl 119:28.

NOS PURIFICA.

“Vós já estais limpos pela Palavra que vos tenho falado”. João 15:13.

“De que maneira o jovem poderá guardar puro o seu caminho? Observando segundo a Tua Palavra”. Sl 119:9.

NOS AJUDA A RECEBER RESPOSTAS DE ORAÇÃO.

Se permanecerdes em mim e as minhas palavras permanecerem em vós, pedireis o que quiserdes e vos será feito”. João 15:7

TRAZ GOZO AO NOSSO CORAÇÃO.

Tenho dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo”. João 15:7

NOS ALIMENTA ESPIRITUALMENTE.

“Desejai ardentemente, como crianças recém-nascidas, o genuíno leite espiritual para que por ele vos seja dado crescimento para salvação”. I Pe 2:2

NOS TRAZ SABEDORIA.

Os teus mandamentos me fazem mais sábio que os meus inimigos... compreendo mais do que todos os meus mestres, porque medito nos teus testemunhos”. Sl 119:98,99

ORIENTA NOSSAS VIDAS E NOSSAS DECISÕES.

“Lâmpada para os meus pés e a tua palavra e luz para os meus caminhos”. Sl 119:105

GARANTE NOSSO SUCESSO.

“Não cesses de falar deste livro da lei; antes medita nele dia e noite, para que tenha cuidado de fazer segundo a tudo quanto nele está escrito; então farás prosperar o teu caminho e serás sucedido”. Js 1:8

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

  

sexta-feira, 8 de outubro de 2021

O QUE SAI É QUE CONTAMINA

E, chamando a si a multidão, disse-lhes: Ouvi, e entendei: O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem. Então, acercando-se dele os seus discípulos, disseram-lhe: Sabes que os fariseus, ouvindo essas palavras, se escandalizaram?

[...] Jesus, porém, disse: Até vós mesmos estais ainda sem entender? Ainda não compreendeis que tudo o que entra pela boca desce para o ventre, e é lançado fora? (Mt 15.10-17)

A casa pode estar limpa e cheirosa, mas se o banheiro estiver sujo, com certeza contaminará toda a casa; assim é a alma do homem.

Ele pode ter boas intenções, ser esforçado em servir a Jesus, mas se não tiver uma alma curada e restaurada, um novo caráter, suas atitudes serão o resultado de suas feridas, mesmo as inconscientes.

As igrejas estão cheias de gente boa, com o seu lado positivo, com muitos dos seus pecados perdoados, com muitas falhas corrigidas, tentando seguir a Cristo em sinceridade.

Porém alguns pecados e embaraços os perseguem. A sombra do passado, da velha criatura, cobre o presente.

“Se pois o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (Jo. 8.36).

Jesus já abriu as portas das cadeias, nos livrou da prisão perpétua e muitos já saíram gritando, cantando, dançando de alegria.

Porém, outros estão lá dentro ainda, mesmo a porta estando aberta.

É nesta área que satanás amarra muitas vidas para: Impedir que alcancem o seu potencial em Cristo.

Deixa esta palavra ser enxertada em você, seja manso, deixa dominar-se pelo Espírito Santo, e o poder da Palavra de Deus poderá salvar a sua alma (Tg. 1.21)

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz


quinta-feira, 7 de outubro de 2021

DEUS É FIEL E JUSTO

Deus aprecia definições na vida de seus filhos, e pelas palavras registradas em Apocalipse, não tolera alguém que não tome uma posição. Assim porque não és frio nem quente vomitar-te-ei da minha boca.” Ap 3:16.

Se Deus é amor não podemos esquecer que também é justiça. No momento da criação do homem, o fez a sua imagem e semelhança, (Gn 1:26), isto é, com as suas características. Capacitou-o para dominar, governar, dirigir e ainda o abençoou para isto.

No entanto o homem deturpa a glória de Deus existente em si mesmo, quando não cumpre com seus desígnios.

É comum ao ser humano o desejo de sempre sair-se bem, e quase nada faz de sua parte para isso. Espera para ver como ficará determinada situação. Na gíria se diz: “ficar em cima do muro”.

Se um lado prevalecer, o indivíduo tomará este partido, se do outro a atração for maior, mudará repentinamente de opinião. “Até quando coxeareis entre dois pensamentos? se o Senhor é DEUS, segui-o, se Baal, segui-o”. IRe 18:21.

Nesta passagem Elias chama a atenção do povo de Deus afim de que tomem uma posição, muito embora sabiam ser Deus o único Senhor, andavam experimentando outras “fórmulas”, (simpatias, feitiçarias, idolatrias, benzedeiras, mentiras, consultando horóscopos, os mortos, adivinhações), tudo exatamente o que Deus abomina.

Então Elias pede uma definição ao povo a que nada respondeu.

Já em outra situação os três amigos, Sadraque, Mesaque e Abedenego, que tomaram uma posição, “Eis que nosso Deus, a quem nos servimos, é que nos pode livrar; Ele nos livrará do forno de fogo ardente, e da tua mão ó rei, e se não, fica sabendo, ó rei, que não serviremos a teus deuses, nem adoraremos a estátua de ouro que levantaste”. Dn 3:17,18.

Deus os honrou. Não os livrou “DA” fornalha, mas os livrou “NA” fornalha.

Se precisamos de libertação do mal, das enfermidades, finanças atrapalhadas, no lar e em todas as outras áreas, é necessário um compromisso com Deus.

O nome de Jesus é poder para isso, porém, um compromisso envolve duas partes. Deus é fiel e justo, obviamente cumprirá a parte dEle, a tua porém, deve ser reavaliada e analisada, tome uma posição!

O próprio Senhor Jesus Cristo ordenou: “Seja porém o vosso falar: sim, sim; não, não, porque o que passa disto é de procedência maligna”. Mt 5;37.

Comprometa-se com Deus, tome uma decisão inteligente. Leia o capítulo 12 da carta aos Romanos.

Um compromisso com Deus é muito sério, e cumprido todos os itens certamente modificará a sua vida para melhor.

Aí está um segredo que você poderá passar para alguém.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

quarta-feira, 6 de outubro de 2021

O QUE VOCÊ TEM NAS MÃOS

Em Mateus 25:14 a 30 fala sobre a parábola dos talentos. “Porque isto é também como um homem que, partindo para fora da terra, chamou os seus servos, e entregou-lhes os seus bens.
E a um deu cinco talentos, e a outro dois, e a outro um, a cada um segundo a sua capacidade, e ausentou-se logo para longe...”

O que são talentos? Dom, aptidão natural, habilidade adquirida, capacidade.

Cada um de nós tem talentos, dados pelo Senhor.

Veja pessoas que receberam talentos do Senhor e logo após, se tornaram capacitadas, para cumprir o propósito de Deus, para cada uma delas.

I Samuel 17.40: Davi ao enfrentar Golias, tinha na mão, uma funda e algumas pedras, com elas, venceu o gigante Golias, que durante muitos dias, afrontava o povo de Deus.

Juízes 7.16: Gideão tinha uma trombeta e foi ela, que usou para conclamar o exército de Israel, para a batalha.

Neemias 2.1-2: Neemias tinha um copo e com ele, aproximou se do rei e conseguiu permissão para reconstruir Jerusalém.

II Reis 2.8: Elias tinha um manto e com ele abriu caminho no rio Jordão.

I Reis 17.10: A viúva de Sarepta, só tinha um bocado de farinha e uma botija de azeite e com ela, alimentou o homem de Deus e recebeu a multiplicação.

Atos 4.36: Barnabé tinha um terreno, que vendeu para ajudar aos pobres.

Atos 9.36: Dorcas tinha uma agulha, que usou para fazer roupas, para os necessitados.

João 6.9: Um rapaz, tinha cinco pães e dois peixinhos, que serviu para alimentar uma multidão.

E você, o que têm nas mãos?

Deus te deu algo especial, para cumprir o propósito dele na terra.

Ele te deu algum talento, alguma capacidade, que te dá a chance de fazer história nessa terra.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz


terça-feira, 5 de outubro de 2021

OS DONS DO PAI – PARTE II

Propósito e motivação básica da vida – Romanos 12.3-8

Os dons do pai são classificados como dons de serviço que correspondem aos ministérios que todos devem exercer.

EXORTAÇÃO – Capacidade sobrenatural de encorajar os outros e propor-lhes desafios.

Literalmente significa chamar de lado o propósito de fazer um apelo.

Num sentido mais amplo, significa suplicar, confortar ou instruir: “Não deixando de congregar-nos ...mas admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais...” - Hb.10.25.

OFERTA OU CONTRIBUIÇÃO – Capacidade sobrenatural de atender as necessidades físicas dos outros.

O sentido essencial é dar com um espírito de generosidade. Num sentido mais técnico, refere-se àqueles que tem recursos e que auxiliam outros sem tais recursos.

O dom é para ser exercido com liberalidade, mas sem uma exibição externa ou orgulhosa: “... Sua profunda pobreza abundaram em riquezas da sua generosidade” - 2Co.8.2

LIDERANÇA – Capacidade sobrenatural de motivar os outros a buscar um alvo valioso.

Refere-se a alguém que está à frente. Envolve o exercício do Espírito Santo na modelagem, supervisão e desenvolvimento do corpo de Cristo.

A liderança é para ser exercida com diligência. “Vós vos tornastes nossos imitadores, e do Senhor ... de maneira que fostes exemplo para os fiéis na Macedônia e na Acaia”: 1Ts.1.6-7.

MISERICÓRDIA – Capacidade sobrenatural de demonstrar amor e compaixão pelos outros.

Sentir-se tocado pela miséria de um outro.

Relacionar-se com os outros com simpatia, respeito e honestidade.

Para ser eficaz, esse dom deve ser exercido com bondade e alegria – não como uma obrigação. “Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia”: (Mt. 5.7)

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz


segunda-feira, 4 de outubro de 2021

NOVOS HORIZONTES DE ALEGRIA E SATISFAÇÃO

“Não ameis o mundo nem as cousas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele.” (1Jo.2.15) Não é possível ficarmos com um pé no Reino de Deus e outro no mundo

Nossa natureza humana contaminada pelo pecado exige os prazeres, as emoções, os estímulos, o conforto e a tranquilidade que este mundo pode proporcionar, ignorando as necessidades do espírito.

Uma forma de ser fortalecido na pratica a oração é aprender a deleitar em conversar com Deus, isto é, envolver e absorver na comunhão e nos deixar fascinar por ela.

No início, o mais provável é que nos sintamos cansados e enfastiados, em vez de fascinados. Mas, não desistamos. Podemos, sim, aprender a ter prazer na oração.

Deus fica feliz por estarmos orando e, deseja nos auxiliar, se perseverarmos. Ao aprendermos a ter prazer na oração, a nossa comunhão com Deus abre novos horizontes de alegria e satisfação

A medida que formos largando os vícios da carne, iremos abrindo espaço para as coisas do Espírito, cada vez que dissermos “não” à carne, daremos ao Espírito de Deus mais um pouco de nós mesmos.

Estando em Cristo e obedecendo ao Senhor, pela operação do Espírito Santo em nossa vida, vamos nos tornando outra pessoa.

Esqueçamos o que fizemos de bom ou mau, alegremo-nos em sua presença e deixemos que Ele opere em nós.

Cada vez que dissermos “não” à carne e nos submetermos à sua vontade, nos tornaremos mais fortes em espírito e um pouco mais semelhantes a Cristo. Assim Ele vai nos transformando à sua imagem, fazendo de nós seus embaixadores.

Deus nos recompensará por todo o serviço que lhe prestarmos. Se fielmente obedecermos a seu Filho, Ele nos concederá bênçãos eternas. Poderá inclusive dar-nos algumas delas ainda aqui na terra.

“Tudo quanto o Pai tem é meu; por isso é que vos disse que há de receber do que é meu e vo-lo há de anunciar.” (Jo. 16.15).

O Espírito nos dá aquilo que pertence a Cristo. “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis, e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão” (I Co 15.58)

Lidiomar T. Granatti / Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

domingo, 3 de outubro de 2021

OS DONS DO PAI – PARTE I

Propósito e motivação básica da vida – Romanos 12.3-8

Os dons do pai são classificados como dons de serviço, dons não miraculosos que correspondem aos ministérios que todos nós devemos exercer, porém, alguns são dotados para exercer impacto maior nesses ministérios.

PROFECIA – Capacidade sobrenatural de proclamar a Palavra de Deus aos outros.

Falar com franqueza e perspicácia, especialmente quando capacitado pelo Espírito de Deus: “Acontecerá depois que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos anciãos terão sonhos, os vossos mancebos terão visões” - Joel.2.28; Demonstrar a coragem moral e um inflexível comprometimento aos valores dignos; Influenciar os outros na sua área de influência com um espírito positivo de justiça social ou espiritual.

OBS: Visto que nas três categorias de dons: Pai, Filho e Espírito Santo, envolvem alguma expressão de profecia. Torna-se necessário fazer uma distinção.

Nesta categoria do Pai (Rm.12), o foco é geral, caracterizado por aquele nível do dom profético que pertenceria a todo cristão (toda carne).

Na categoria do Espírito Santo visto anteriormente em I Co.12, refere-se ao estímulo sobrenatural.

Na categoria do Filho (profeta) é dado à Igreja de Cristo através dos ministérios individuais

MINISTÉRIO OU AUXÍLIO – Capacidade sobrenatural de servir, apoiar e sustentar os necessitados.

“Tenho-vos mostrado em tudo, que trabalhando assim, é necessário socorrer os enfermos” At.20.35.

Ministrar e retribuir um culto de amor para encontrar as necessidades dos outros. Ilustrado na obra e no ofício do diácono.

ENSINO – A habilidade sobrenatural para explicar e aplicar as verdades recebidas de Deus para a igreja; ajudar os outros a compreender as verdades da Palavra divina.

Pressupõe o estudo e a iluminação do Espírito para prover a habilidade de fazer a verdade divina clara ao povo de Deus.

Considerando distinto do trabalho do profeta, que fala como o porta-voz de Deus. “Ide... ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho mandado” Mt.28.19,20

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

sábado, 2 de outubro de 2021

O PODER TRIUNFANTE

“O SENHOR é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O Senhor é a fortaleza da minha vida; a quem temerei? ... Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria; ainda que a guerra se levantasse contra mim, nisto confiaria. Uma coisa pedi ao Senhor, e a buscarei” (Sl.27.1-4)

“O Senhor é a minha luz e a minha salvação...”. Quando os problemas cercaram o salmista de todos os lados, ele pensou mais em Deus do que nos problemas.

Temos a tentação de centralizarmos tanto nos problemas, que perdemos de vista a suficiência e o poder triunfante de Deus que nos está disponível para resolve-los.

O pânico nos assalta, e clamamos: “que posso fazer?” em vez de: “o que Deus pode fazer?”

“O Senhor é a fortaleza da minha vida; a quem temerei?” uma vez estando seguro, debaixo da proteção e cuidado de Deus, o salmista não necessitava temer a nada e a ninguém.

“Ainda que um exército me cercasse...” Porque muitos são tão frágeis e sua confiança com Deus? Porque necessitam de mais fé e conhecimento de Deus, tudo o mais que alcançar virá dessa relação com Deus.

Em vez de ansiarmos por mais fé para conseguirmos mais de Deus, precisamos conseguir mais de Deus para termos mais fé. Nosso coração precisa de Deus.

“Uma coisa pedi ao Senhor...” Esta frase indica a prioridade espiritual na vida do salmista (Mt 6.33). a magnitude de seus problemas, o levou a uma solidão monumental na qual sentiu o desejo de ver o Senhor.

Ele almeja contemplar a beleza do Senhor no seu santuário, ocultar-se em seu pavilhão, encontrar segurança no recôndito do seu tabernáculo e ser elevado acima de seus inimigos e posto sobre uma rocha. Longe do seu alcance.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

sexta-feira, 1 de outubro de 2021

DONS DO FILHO – PARTE III

Para facilitar e equipar o corpo da Igreja - Efésios 4.10 a 13 e 1Co.12.28

Efésios 4.7 diz: “Mas a cada um de nós foi dada a graça conforme a medida do dom de Cristo”, não apenas indica os dons de ofícios que Cristo colocou na Igreja junto com seu propósito

PASTOR / PROFESSOR - A palavra pastor vem de uma raiz que significa proteger, da qual nós temos o termo pastor de ovelhas. Na função de um pastor/líder está incluído nutrir, ensinar e cuidar das necessidades espirituais do corpo.

Pastor e mestre são uma mesma função e ministério. O texto de Ef 4.11 diz: "...A outros pastores e mestres." e não "...A outros pastores e a outros mestres "

O termo pastor é uma expressão alegórica, figurativa de pastor de ovelhas, cuja correlação literal seria mestre. O pastor tem ovelhas, o mestre tem discípulos.

O dom que opera no pastor é o dom de mestre, por isso não aparece o ministério de pastor na lista de ministérios de 1Co 12.28, que é conforme os dons.

Quem cuida de vidas também precisa saber ensiná-las. E se alguém ensina, ensina para edificação e prática. Todo pastor é mestre e todo mestre é pastor.

COMO PASTOR: É o que cuida de vidas, apascenta; Tem aliança com o povo, toca nas vidas, apascenta. Está envolvido com o povo. Pastor é uma função e não um cargo ou título. Todos aqueles que cuidam de vidas são pastores e mestres.

COMO MESTRE: É o que ensina a doutrina, doutor. Pega as verdades mais difíceis e complicadas e traz de maneira clara para a Igreja entender.

MISSIONÁRIO – Alguns veem a figura do apóstolo ou evangelista.

Implica o desdobramento de um plano para tornar o evangelho conhecido por todo o mundo: “Porque não me envergonho do evangelho, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego” - Rm.1.16.

Ilustra uma atitude de humildade necessária para receber um chamado para áreas remotas e situações desconhecidas: “... A quem enviarei, e quem irá por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim. Disse, pois, ele: Vai, e dize a este povo...” - Is.6.8-11.

Conota uma compulsão interna para levar o mundo inteiro a um entendimento sobre Jesus Cristo: “... se um morreu por todos, logo todos morreram; e ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou” - 2Co.5.14-20.

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz